Júlio César Miguel de Aquino Cabral

Júlio César Miguel de Aquino Cabral

Professor

Cuitegi, PB

Possui graduação em História (2018) pela Universidade Estadual da Paraíba - Campus III (Guarabira-PB) e mestrado em História (2021) pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), linha III (História cultural das práticas educativas), onde defendeu a dissertação intitulada: A solidão dos nômades: a trajetória do padre Luís Gonzaga de Oliveira (1915-1971). No ano de 2021, foi editor-adjunto da revista Siruiz: estudos linguísticos e literários. Atualmente é professor da rede pública de ensino do município de Cuitegi-PB ( E.M.E.F. José Tomaz de Aquino).

Continuar lendo

Acadêmico

Formação acadêmica

Mestrado em História

2019 - 2021

Universidade Federal de Campina Grande
Orientador: Joedna Reis de Meneses
Dissertação: A solidão dos nômades: a trajetória do padre Luís Gonzaga de Oliveira (1915-1971).

Graduação em História

2014 - 2018

Universidade Estadual da Paraíba - Campus III - Guarabira
Título: A fabricação do outro: as representações do povo na obra Figuras e paisagens do padre Luís Gonzaga de Oliveira , Paraíba (1948 - 1959)
Orientador: Mariângela de Vasconcelos Nunes

Ensino Médio (2º grau)

2011 - 2013

EEEFM Sagrado Coração de Jesus

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Formação complementar

2017 - 2017

Extensão universitária em ABNT e métodos de leitura. (Carga horária: 20h). , Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

2016 - 2016

Territórios em confronto; Igreja Católica, Maçonaria e espiritismo. (Carga horária: 60h). , Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

2016 - 2016

Oficina de elaboração de projetos culturais. (Carga horária: 6h). , Fundo de incentivo à cultura, FIC, Brasil.

2016 - 2016

Redação cientifica em tempos de Qualis. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

2016 - 2016

Oficina de elaboração de projetos culturais. (Carga horária: 6h). , Governo do Estado da Paraíba, GOVERNO/PB, Brasil.

2015 - 2015

Extensão universitária em Aprendendo a ler imagens em movimento. (Carga horária: 12h). , Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.

2015 - 2015

Humor como método de mudanças políticas no mundo antigo e medievo. (Carga horária: 4h). , Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

2014 - 2015

Extensão universitária em Espaço social e cinema: Olhares sobre a sociedade Contemporânea. (Carga horária: 52h). , Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

2014 - 2014

Práticas pedagógicas emancipatórias. (Carga horária: 8h). , Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Idiomas

Bandeira representando o idioma Espanhol

Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.

Bandeira representando o idioma Português

Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Áreas de atuação

Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Participação em eventos

I Jornada de psicologia analítica da UTP - olhares e saberes : arte, ciência e espiritualidade. 2021. (Simpósio).

II Semana de História. Entre o lírico e o monstruoso : Representações iconográficas do agave. 2017. (Congresso).

XXIV Encontro de Iniciação Científica.Imagens do agave a partir da poesia de cordel e da iconografia. 2017. (Encontro).

XVII Encontro Estadual de História ANPUH-PB / I Encontro Estadual do PIBID em História.O agave na Literatura de cordel, Paraíba (1940/1970). 2016. (Encontro).

XXIII Encontro de Iniciação Científica.Memórias do agave na literatura de cordel. 2016. (Encontro).

I Semana de História. A Morte é bela; O ideal de morte cristã no brasil do século XIX. 2015. (Congresso).

VI semana de humanidades. 2014. (Congresso).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Comissão julgadora das bancas

Iranilson Buriti de Oliveira

OLIVEIRA, IRANILSON BURITI; REIS, J.; CURY, C. E.. A SOLIDÃO DOS NÔMADES: A TRAJETÓRIA DO PADRE LUÍS GONZAGA DE OLIVEIRA (1915-1971). 2021. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Campina Grande.

Iranilson Buriti de Oliveira

Oliveira, Iranilson Buriti de; REIS, J.; CURY, C. E.. A SOLIDÃO DOS NÔMADES: UM ESTUDO SOBRE A FORMAÇÃO DE SUBJETIVIDADES SAUDOSISTAS A PARTIR DA TRAJETÓRIA DO PADRE LUÍS GONZAGA DE OLIVEIRA (1919-1961). 2020. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Campina Grande.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Foi orientado por

Joedna Reis de Meneses

A Solidão dos Nômades: a Trajetória o Padre Luís Gonzaga de Oliveira (1915-1971); 2021; Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Campina Grande,; Orientador: Joedna Reis de Meneses;

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Produções bibliográficas

  • MENESES, J. R. ; CABRAL, J. C. M. A. . Pedagogias do tempo: o jornal 'A Imprensa' sob a direção do padre Luís Gonzaga de Oliveira (Paraíba, 1952-1965).. MNEMOSINE REVISTA , v. 11, p. 89-96, 2020.

  • CABRAL, J. C. M. A. ; MENESES, J. R. . O alvorecer de uma subjetividade saudosista: a vida do padre Luís Gonzaga de Oliveira (1915-1971). In: Vivian Galdino de Andrade, Azemar dos Santos Soares Junior. (Org.). Escritas do sensível II: práticas educativas e história cultural (EBOOK). 1ªed.São Paulo: E-manuscrito, 2020, v. , p. 177-187.

  • CABRAL, J. C. M. A. ; BORGES, R. C. . Escritos de sí, derechos humanos: una experiencia pedagógica en la escuela municipal José Tomaz de Aquino (Cuitegi-PB). In: Dinaldo Silva Júnior. (Org.). Nuevas práticas de ensenanza para una educación en derechos humanos. 1ªed.João Pessoa: Ideia, 2020, v. , p. 89-97.

  • CABRAL, J. C. M. A. ; MENESES, J. R. . O alvorecer de uma subjetividade saudosista: a vida do padre Luís Gonzaga de Oliveira (1915-1971). In: Vivian Galdino de Andrade, Azemar dos Santos Soares Junior. (Org.). Escritas do sensível II: práticas educativas e história cultural. 1ªed.São Paulo: E-manuscrito, 2020, v. , p. 177-187.

  • CABRAL, J. C. M. A. . Entre o lírico e o monstruoso : Representações iconográficas do agave. In: II semana de História, 2017, Guarabira. II semana de História; Ensino, democracia e resistências, 2017.

  • CABRAL, J. C. M. A. . O Agave na literatura de cordel, Paraíba (1940/1970). In: XVII Encontro Estadual de História - ANPUH- PB, 2016, Guarabira. XVII Encontro Estadual da Paraíba ANPUH-PB, 2016. v. 17. p. 721-728.

  • CABRAL, J. C. M. A. ; TORRES, P. L. P. . A morte é bela: O ideal cristão de morte no Brasil do século XIX. In: I semana de História, 2015, Guarabira. Semana de História Práticas Docentes e Diálogos Interculturais, 2015. v. 1. p. 1007-1013.

  • TORRES, P. L. P. ; CABRAL, J. C. M. A. . Colonização de mentes e ensino de História; Que História é essa?. In: I semana de História, 2015, Guarabira. I semana de História, 2015.

  • CABRAL, J. C. M. A. ; NUNES, Mariângela de Vasconcelos . Modernização agrícola na Paraíba através da fotografia (1930 - 1945). 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CABRAL, J. C. M. A. ; NUNES, Mariângela de Vasconcelos . Imagens do agave a partir da poesia de cordel e da iconografia. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

  • CABRAL, J. C. M. A. . O agave na Literatura de cordel, Paraíba (1940/1970). 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

  • Antonio dos Santos ; CABRAL, J. C. M. A. . Alguns cometários sobre Vida: poesia e paixão. Maringá, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Outras produções

CABRAL, J. C. M. A. ; FERREIRA, J. P. ; RODRIGUES, A. . ''O golpe de 2016''. 2018. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

CABRAL, J. C. M. A. . Capitalismo e comunismo. 2017.

CABRAL, J. C. M. A. . Jovem concede entrevista exclusiva após lançamento do seu livro ?Jardim da Copaoba?. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

CABRAL, J. C. M. A. . Serra da Raiz: Uma administração sem legitimidade. 2018; Tema: Serra da Raiz: Uma administração sem legitimidade. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Serra da Raiz e suas contradições. 2018; Tema: Serra da Raiz e suas contradições. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Serra da Raiz: Curral eleitoral ?. 2018; Tema: Serra da Raiz: Curral eleitoral?. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Apontamentos para um novo projeto político local. 2018; Tema: Apontamentos para um novo projeto político local. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . água pra quem tem sede; um exemplo de democracia. 2017; Tema: Projeto de iniciativa popular. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Serra da Raiz - Entre mefístoles e satã. 2016; Tema: política. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Brasil; Um paraíso perdido ou um inferno encontrado. 2016; Tema: política. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Esperança para além dos séculos. 2016; Tema: Messianismo. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Admirável gado novo. 2015; Tema: política. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . Teatro macabo; A morte na pós-moderniade. 2015; Tema: a morte. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. . A morte cristã no Brasil do século XIX. 2015; Tema: A morte no século XIX. (Site).

CABRAL, J. C. M. A. ; NUNES, Mariângela de Vasconcelos . Imagens do agave a parir da poesia de cordel e da iconografia. 2017. (Relatório de pesquisa).

CABRAL, J. C. M. A. ; NUNES, Mariângela de Vasconcelos . Memórias do agave a partir da literatura de cordel. 2016. (Relatório de pesquisa).

Seção coletada automaticamente pelo Escavador

Projetos de pesquisa

  • 2017 - 2018

    A modernização agrícola na Paraíba através da fotografia (1930-1945), Descrição: Esta pesquisa tem como objetivo analisar as diferentes representações da modernização agrícola na Paraíba durante os de 1938 e 1950. Para isto iremos analisar as fotografias presentes no álbum de realizações do governo de Argemiro de Figueiredo publicado em 1938, além de xilogravuras publicadas na capa de cordéis. Com posse do conceito de Representação desenvolvido por Roger Chartier e dos estudos sobre fotografia de Boris Kossoy pretendemos perceber as diferentes significações, muitas vezes conflituosas, dadas a modernização agrícola paraibana.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Júlio César Miguel de Aquino cabral - Integrante / Mariângela de Vasconcelos Nunes - Coordenador.

  • 2016 - 2017

    Imagens do agave a partir da poesia de cordel e na iconografia, Descrição: Projeto PIBIC/UEPB/CNPQ/ Cota; 2016-2017. Este projeto está vinculado às discussões propostas pela Linha de Pesquisa História e Memória ligada ao Grupo de Pesquisa Cotidiano, Cidadania e Educação (cadastrada no Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq/UEPB). Tem como objetivo refletir e problematizar as imagens do agave, presentes nas capas dos folhetos de cordéis e também em xilogravuras independentes, que, em sua grande maioria, marcaram o universo agavicultor na Paraíba, notadamente entre os anos de 1930 e a década de 70, do século passado. Compreendendo, portanto, que as imagens sobre o agave também foram fabricadas, por meio da poesia de cordel e das xilogravuras. Tais imagens eram bastante conflituosas representando diferentes interesses. Foram estas múltiplas expressões, criadas sobre o agave, que buscamos encontrar e estudar. Fizemos isso apoiados em leituras de textos, documentos e no estudo biográfico dos autores de cordéis e das xilogravuras. Como base teórica, para a análise iconográfica, utilizamos os escritos de Burke (2004) e França (2002), percebendo os cuidados e os métodos que devem ser utilizados no trabalho com imagens em pesquisas históricas. Em nossas reflexões sobre a xilogravura fizemos uso dos textos de Melo (2010) e para entender o contexto da introdução do agave na Paraíba utilizamos os estudos de Nunes (2006) e Lira (2015).. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) . , Integrantes: Júlio César Miguel de Aquino cabral - Integrante / Mariângela de Vasconcelos Nunes - Coordenador.

  • 2015 - 2016

    Memórias do agave a partir da literatura de cordel, Descrição: Essa pesquisa teve como objetivo historicizar as memórias do agave, presentes nos folhetos de cordéis, buscando identificar ás múltiplas imagens construídas a acerca desta planta, durante os anos de 30 e 70 do século xx, na Paraíba. No final dos anos de 1930, o agave começou a ser produzido, com fins comerciais, na Paraíba. A introdução da planta veio acompanhada de uma série de discursos, construídos pelo Estado, com a intenção de legitimar e incentivar a produção da planta. Esses discursos apresentavam a planta como uma espécie de ??redentora?? da economia paraibana. Por outro lado, encontramos, na literatura de cordel, múltiplas imagens construídas a cerca da planta, sobretudo, imagens negativas. Em alguns cordéis, os poetas fazem a associação entre o agave e o capa verde, dando características diabólicas à planta. Em outros folhetos, os poetas apontam a planta, como causadora de diversos problemas sociais como, alta de preços, fome, e, sobretudo pela ??Queda da agricultura??.. , Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. , Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) . , Integrantes: Júlio César Miguel de Aquino cabral - Coordenador / Mariângela de Vasconcelos Nunes - Integrante.

Histórico profissional

Experiência profissional

Professor de História

2019 - Atual

Escola Municipal de Ensino Fundamental José Tomaz de Aquino

Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor de História, Carga horária: 40

Professor de História

2018 - 2019

Serviço Social do Comércio

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Colunista

2015 - 2017

ExpressoPB

Vínculo: Voluntario.

Pesquisador

2015 - 2018

Universidade Estadual da Paraíba

Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.